Tag Archives: 2012

The most important election of recent times

More than a presidential race, the American election of 2012 presents itself as a chess game where the opponents are challenged to establish the pragmatic fate of the ideologies practiced so far, aiming to boost the economy of the “country of freedom” against the scenario of global crisis and economic abyss.

The Republican Party, which has already had conservatism as its main feature, practices Laissez-Faire, symbol of the undeniable freedom provided to the people. Freedom? Let’s understand “undeniable” in the parameters of late twentieth century, since the sub prime chapter and the unbridled release of credit has clearly demonstrated the danger of liberalism, which can be better defined as an economic libertinism.

And as usual, the bubble, or rather, the bomb exploded in the hands of people who, through the government, had to cope with the high cost of speculations which were run by private banks, by using public money. It’s the old vicious circle: the poor helping the rich not to jeopardize them even more.

We’re definitely moving towards the fall of state power.

The challenge to the Republican candidate, Mitt Romney, is the maintenance of economic freedom and the generation of employment and income… nonsense, perhaps.

On the other hand, Obama represents the solidification of the economic base by setting taxes proportional to the income of each, that is, he who is richer, pays more taxes. It seems obvious from the standpoint of proportion, but the issue becomes complex if verified individual guarantees and the principle of equality, as expressed in the famous phrase: “all are equal before the law.”

With the “fall” of the principle of equality (obviously inside the capitalist system), or rather, with the exposure of the egalitarian-capitalist utopia, it is curtailed, at least in part, the principle of freedom which is the foundation of the “American Dream”. This is because those earning more are taxed more, and those who are taxed more, yield less and slow the economy down.

It’s as if the American president himself spoke to his people: “We are not that free.”

Anúncios

Deixe um comentário

Filed under Mundo, World

Voto Consciente!

As eleições municipais deste ano serão no dia 7 de outubro, podendo haver segundo turno no dia 28 em algumas cidades do país.

É importante que você, eleitor, conheça bem os candidatos e escolha o melhor prefeito e vereador para o seu município. Vote de forma consciente e garanta um futuro melhor para as próximas gerações. Para isso, confira algumas dicas importantes:

  • Ficha Limpa

É uma lei de iniciativa popular que torna mais rigorosa a candidatura de políticos condenados pela justiça. Por isso, acompanhe os noticiários para saber se o seu candidato está envolvido em esquemas de corrupção. No site http://divulgacand2012.tse.jus.br, por exemplo, é possível ver os candidatos destas eleições e verificar se a candidatura deles foi deferida ou não.

  • Não se iluda

Não é porque o candidato tem um nome engraçado, se veste legal ou é bonitinho que você deve votar nele. Veja o que ele fez – ou se propõe a fazer – pelo povo.

  • Assista aos debates

Esta é a chance de você avaliar o candidato. É uma entrevista de emprego na qual você é o patrão. Ouça as propostas e perceba se elas têm fundamento.

  • Avalie as propostas

Diferencie propostas e promessas. As propostas têm objetivo e se aplicam a uma área específica. ‘Buscar uma sociedade mais justa’ ou ‘acabar com a miséria’ são promessas vagas e subjetivas.

  • Pesquisas

Não se iluda pelas pesquisas e não vote no candidato que a ‘maioria quer’. Não abra mão de seu candidato por causa das pesquisas.

  • Pós-eleição

Não ‘abandone’ o seu candidato depois das eleições. Procure saber o que ele está fazendo e se está cumprindo o que foi proposto.

Deixe um comentário

Filed under Brasil